segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Cataratas do Iguaçu para as 7 Maravilhas da Natureza

As Cataratas do Iguaçu estão concorrendo ao título de 7 Maravilhas da Natureza. A FOX apoia esta causa!
Saiba abaixo por que e como votar nesta maravilha que é nossa!


A palavra Iguaçu significa "água grande", na etimologia tupi-guarani. As Cataratas são formadas pelas quedas do rio Iguaçu. Dezoito quilômetros antes de juntar-se ao rio Paraná, o Iguaçu vence um desnível do terreno e se precipita em quedas de 65 m de altura em média, numa largura de 2780 m. Sua formação geológica data de aproximadamente 150 milhões de anos.


O rio Iguaçu mede 1200 m de largura acima das cataratas. Abaixo, estreita-se num canal de até 65m. A largura total das Cataratas no território brasileiro é de aproximadamente 800m e no lado argentino de 1900m. Dependendo da vazão do rio, o número de saltos varia de 150 a 300 e a altura das quedas varia de 40 a 82 metros resultando numa largura de 2.700 metros, com formato semicircular. A vazão de água média do rio em torno de 1.500 m3 por segundo, variando de 500 m3/s nas ocasiões de seca e de 6.500 m3/s nas cheias.


Após uma ampla curva e uma corredeira, a parte principal das cataratas precipita-se lateralmente na profunda fenda de erosão, formando a Garganta do Diabo.Com quase 85m de altura este é o salto mais apreciado pelos visitantes, seu formato, lembra uma ferradura.
Garganta do diabo
Assista o vídeo da campanha:


Acesse todas as páginas nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Orkut

Agora que você já está convencido que as Cataratas merecem ser uma das 7 Maravilhas da Natureza, clique na imagem abaixo para votar:



UM POUCO MAIS DE FOZ DO IGUAÇU
Localizada na Tríplice Fronteira de Brasil, Argentina e Paraguai, a cidade de Foz do Iguaçu tem parque hoteleiro importante e profissionais do turismo que falam dois ou três idiomas. Com passaporte ou carteira de identidade na mão, é possível cruzar as fronteiras dia e noite sem percalços, em automóveis particulares, ônibus ou nos transfers oferecidos por hotéis e agências de receptivo. Considerando que as distâncias oscilam de 10 km a 25 km entre as atrações, há tempo para visitar parques pela manhã no Brasil, fazer compras à tarde no Paraguai e esticar a noite na Argentina, no cassino ou naqueles restaurantes de empanadas e carnes saborosas, regadas a carta de vinhos de Mendoza, Salta, Patagônia...

Pelo menos duas das atrações de Foz merecem visita sem pressa: o Parque das Aves e Itaipu Binacional. A 200 m da entrada do Parque Nacional de Iguaçu, a reserva criada em 1994 por alemães amantes da natureza contrapõe ao show das águas o show das cores de flamingos, guarás, papagaios, araras, tucanos, vulturinas, pavões, gralhas-picaças, mutum-de-penacho, saracuras. Existem aves ameaçadas de extinção, como o cuiú-cuiú, o mutum-cavalo e o macuco. Outras vieram de longe, da África e da Ásia. E algumas foram aleijadas para sempre por traficantes. Uma placa avisa que uma arara-azul - uma arara-azul! - encolhida no tronco teve as asas amputadas antes de ser resgatada pela polícia florestal.

O Parque das Aves, a propósito, recepciona os visitantes com uma tese radical, exposta numa antiga lenda nórdica, a Árvore da Vida: a natureza, para sobreviver, pode dispensar a presença de seres humanos.

Gostou tanto que deu vontade até de conhecer Foz do Iguaçu, né?
Então (depois de votar) clique aqui e veja os detalhes de um pacote completinho com a FOX, com saída de Porto Alegre.




Com informações do UOL Viagem.

2 comentários: